Início » Ministra da Justiça vai estar presente nas comemorações do aniversário de Orlando de Carvalho em Baião

Ministra da Justiça vai estar presente nas comemorações do aniversário de Orlando de Carvalho em Baião

por Leite Beatriz
Ministra da Justiça vai estar presente nas comemorações do aniversário de Orlando de Carvalho

A ministra da Justiça Catarina Sarmento e Castro vai estar presente nas comemorações do aniversário de Orlando Carvalho, professor catedrático da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, falecido em 2000, informa a autarquia.

As cerimónias realizam-se em Santa Marinha do Zêzere, nos serviços descentralizados do município de Baião, esta quinta-feira, a partir das 15h00.

O evento, uma organização conjunta da Câmara Municipal de Baião e da Sala de Estudos e Documentação Orlando de Carvalho (SEDOC), pretende relembrar “a ação de um homem que, para além da vida académica, foi ativista político e resistente anti-fascista”, como lembra a autarquia, numa nota informativa.

“Justiça e direitos humanos” será o tema da sessão principal, que é aberta à comunidade em geral.

Quem foi Orlando de Carvalho?

Natural da freguesia de Santa Marinha do Zêzere, Orlando Carvalho foi para Coimbra, em 1943, onde concluiu as licenciaturas em Ciências Histórico-Jurídicas e Político-Económicas.

Em 1948, foi contratado como assistente do grupo de Ciências Políticas, mas foi suspenso do serviço docente logo no ano seguinte por motivos políticos, ao envolver-se na campanha presidencial de Norton de Matos. 

Retomou o serviço docente em 1950, por pressão da Faculdade, mas as suas convicções políticas levaram-no a ser preso por duas ocasiões. Ambas as vezes foi libertado por falta de provas.

Em 1976, foi eleito como independente nas Listas da Aliança do Povo Unido (coligação do PCP com o MDP-CDE) para membro da Assembleia Municipal de Baião e, em 1997, presidiu, também como independente, à Comissão de Honra da candidatura do Partido Socialista à Câmara baionense.

A nível nacional, como lembra a autarquia, Orlando Carvalho empenhou-se ativamente no apoio das candidaturas de Salgado Zenha (1986) e Jorge Sampaio (1996) à Presidência da República.

Foi condecorado em 10 de junho de 1996 com a Ordem da Liberdade.

Também poderá gostar de

Escrever um comentário