Início » ‘Stay to Talk’ e Faculdade de Letras do Porto estabelecem acordo em nome da “inclusão e coesão social”

‘Stay to Talk’ e Faculdade de Letras do Porto estabelecem acordo em nome da “inclusão e coesão social”

por Beatriz Leite
'Stay to Talk' e Faculdade de Letras do Porto estabelecem acordo em nome da "inclusão e coesão social"

A Stay to Talk – Instituto de Imersão Cultural – e o Centro de Investigação Transdisciplinar «Cultura, Espaço e Memória», criado pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, assinaram um protocolo de cooperação nos domínios da investigação, informação e formação.

Com este acordo, a Stay to Talk espera reforçar “uma das suas áreas de ação – a investigação”, bem como “o estudo e a recolha de evidências culturais, de forma a afirmar um propósito social, nomeadamente, o de envolver as comunidades e de contribuir para o desenvolvimento local, a inclusão e a coesão social”.

Em comunicado, o Instituto de Imersão Cultural adianta que esta cooperação vai permitir a promoção e o desenvolvimento de projetos de cariz cultural, a partilha de informação, a realização de eventos, entre processos de classificação e preservação patrimonial.

Imagem de destaque é meramente ilustrativa e com licença gratuita de uso

Também poderá gostar de

Escrever um comentário